Dia 29 — Um livro que alguém leu pra mim

Revirei minhas memórias, mas não encontrei outra leitura que não fosse a mais óbvia possível para qualquer criança que tenha vivido num ambiente cristão. Como esquecer das aulas de religião da Irmã Irene? Eu tinha uma bíblia que nem essa da foto, e acho que ainda tenho. Um dia dei para ler, mas não obrigada por ninguém. O problema maior eu acredito que seja ler a bíblia como uma forma de castigo ou por obrigação, uma forma de demonstração de boas maneiras e bom coração. O segundo problema é consequência do primeiro, já que normalmente quem te obriga a ler a bíblia o faz quando tu é uma criança e não entende nadica de nada do que está escrito.

Um dia ei de ler a bíblia como ficção. A crença como livro sagrado eu não tenho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s