yann tiersen e palestina

 

Artista não é aquele que se tranca no quarto e ignora o mundo. É aquele que, de forma visceral, sente os movimentos do mundo e toma partido. Eis um baita exemplo do francês Yann Tiersen:

“Crianças de Gaza, não há dias em que eu não lembre dos sorrisos e do afeto que vocês me deram quando eu me apresentei na cidade de Gaza há dois anos. Palestinos, não há um dia em que eu não reze para o fim do pesadelo que vocês vivem faz 60 anos. Mas o pesadelo sempre tem um fim, e eu tenho certeza que eu irei ir ao seu país um dia e verei nas paredes dos aeroportos as seguintes palavras, bem grandes: BEM-VINDO À PALESTINA!”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s